Vamos falar sobre alimentação?
13-09-2016
Ele agacha-se atrás das ervas e foca a sua presa atentamente. Inspira fundo uma vez, ganha tracção e lança-se no ar para apanhar a sua presa… Já está! O seu GATO, o mestre caçador lá de casa é, definitivamente, um carnívoro.

Desde a sua dentição ao seu equipamento enzimático digestivo, todo o felino é desenhado para se suster através de uma dieta à base de outros animais, pequenos ou grandes. Os caninos afiados para rasgar a pele das presas e os molares pontiagudos para aumentar o poder de mordeduras são as ferramentas necessárias para ingerir o alimento e, depois, a produção de ácido no estômago e de diversas enzimas destinadas a decompor todas as proteínas desta refeição cárnea, fazem com que a eficiência máxima do seu aparelho digestivo seja conseguida quando a sua dieta se baseia em presas suculentas.

Daí que seja importante alimentar o seu gato com uma dieta rica em proteína de origem animal que será altamente aproveitada pelo organismo e com uma quantidade moderada de hidratos de carbono, que são uma fonte de energia secundária para estes mamíferos e que frequentemente contribuem para a obesidade felina, em caso de consumo em excesso.

Informe-se connosco sobre as opções disponíveis para a dieta do seu gato!

E lembre-se: nutrição é vida!